RedPuro Blend – RedBlend 🇦🇷

R$85,00

Harmonização

Vinho de boa estrutura, taninos macios e muito aromático. Pede pratos estruturados, condimentados e à base de proteína.
Pratos: nhoque ao sugo de proteína de soja; hambúrguer de lentilha com molho barbecue.

Fora de estoque

Descrição

CABERNET SAUVIGNON 

Esta casta é considerada a “Rainha das uvas tintas”. Os vinhos elaborados com a Cabernet Sauvignon são os mais famosos do mundo, pois a variedade se adapta aos diversos “terroirs” espalhados pelo mundo e origina vinhos de alta qualidade. Devido às suas características de adaptação, é a casta mais cultivada no mundo.

Possui película (casca) espessa e com alta carga tânica – os taninos são compostos fenólicos encontrados, principalmente nas cascas e sementes. A alta concentração de taninos confere ao vinho aromas e sabores herbáceos/vegetais, deixando-o adstringente, ou seja, provocando secura na boca, a sensação de quando se come uma banana verde. Por isso, a importância da acompanhar a maturação da uva e decidir a colheita no ponto exato.

A Cabernet Sauvignon pode dar origem a vinhos mais encorpados, robustos e complexos ou vinhos mais leves e delicados, a depender da região na qual é cultivada. Tem potencial para envelhecimento em barricas de carvalho e possuem estrutura para longa guarda.

Os aromas encontrados no vinho são o de cereja negra, cassis, notas vegetais que remetem ao pimentão, além de especiarias e cedro.

MALBEC

Variedade francesa de Cahors, uma região próxima à Bordeaux. Trazida para a Argentina no final do século XIX, adaptou-se perfeitamente, principalmente na região de Mendoza. Nessa região são elaborados vinhos de excelência com a Malbec. A singularidade do terroir e a elevada altitude se mostraram uma combinação perfeita.

A característica marcante da variedade é sua coloração intensa, além de taninos marcantes e acidez média. As notas aromáticas são frutadas, remetem a cerejas, mirtilos, e nuances picantes.

Os exemplares argentinos apresentam taninos fortes, maduros e textura aveludada com aromas frutados de ameixa, amora e cereja negra, notas de cacau, chocolate e tabaco, provenientes da passagem em barrica.

BONARDA

 

A origem dessa uva é uma polêmica – ela pode ser italiana, da região da Emilia-Romagna e Lombardia ou francesa, sendo uma variação da casta Corbeau Noir. Ganhou destaque em terras argentinas com os imigrantes europeus, no final do século XIX.
Atualmente é segunda casta mais plantada no país, ficando atrás apenas da Malbec. O vinho da Bonarda da Argentina é intenso na coloração, com tons vermelho-rubi e reflexos violáceos.

Os aromas típicos remetem a frutas maduras, como amora, framboesa, morango, cassis e cereja e uma leve picância. Na passagem em madeira adquire notas de baunilha e tabaco. Vinho de boa estrutura, com taninos moderados e macio, elegante ao paladar. É um vinho fácil de beber.

Assemblage. Blend. Corte

Termos que definem o mesmo conceito: são vinhos elaborados a partir de duas ou mais variedades de uvas. Os vinhos são elaborados separadamente e “assemblados” depois em percentuais que variam de acordo com a escolha do enólogo. Ou as variedades também podem passar juntas pelo mesmo processo de fermentação.

Essa técnica é utilizada para exaltar os atributos do vinho, tornando-o mais complexo e harmônico, com acentuada riqueza aromática.

A habilidade do enólogo e seu conhecimento sobre as variedades envolvidas no blend são determinantes para o bom resultado.

Uvas
60% Malbec, 30% Cabernet Sauvignon, 10% Bonarda

País
Argentina

Região
Mendoza

Classificação
Seco

Tipo
Tinto

Volume
750ml

Teor Alcoólico
13,5%

Safra
2019

Amadurecimento
6 Meses em barrica de carvalho francês.

Visual
Vinho de cor púrpura com tons de rubi.

Olfativo
Aroma de frutas, ameixa e flores vermelhas.

Gustativo
Elegante estrutura, equilibrada, com notas de carvalho francês e um sabor picante marcado.

Informação adicional

Peso 1.40 kg

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “RedPuro Blend – RedBlend 🇦🇷”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *